Wellington Campos

Coluna do Wellington Campos

Veja todas as colunas

Flamengo é o clube a ser copiado

'Menos de 24 horas e os flamenguistas foram às ruas para comemorar dois títulos'

25/11/2019 às 09:32

Menos de 24 horas e os flamenguistas foram às ruas para comemorar dois títulos: Libertadores, depois de 38 anos, e Brasileirão, há 10.

Com campanhas maiúsculas, não é preciso retocar os feitos rubro-negro. Sim, o River Plate foi melhor durante 87 minutos na final em Lima no Peru. Decisão é para ganhar e não jogar bonito.

No campeonato brasileiro, o time de Bruno Henrique jogou bem, bonito e fez vitórias expressivas. Não vamos ficar buscando falhas para quem é campeão com quatro rodadas de antecedência.

A fase é tão boa que o time estava em cima de um trio elétrico e o Grêmio jogando de vermelho e preto para vencer o Palmeiras na casa atual do técnico Mano Menezes.

Agora, vem o Mundial de clubes no Catar. Aí, o buraco é mais embaixo. Precisa respeitar o primeiro adversário para não acontecer o que já vimos com o Internacional e o Galo e, chegar a tão sonhada final, provavelmente com os ingleses do Liverpool.

Como administrar as últimas rodadas do Brasileirão, descansar e treinar o time para conquistar o mundo será o desafio do “Mister” Jorge Jesus.

Copiar quem vence não é pecado. Contas saneadas, mesmo com dívida de quase meio bilhão de reais, boas revelações de atletas e equipe forte, o Flamengo vira o clube a ser seguido pelos demais.

O desafio é grande para os outros grandes do Brasil.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link